As Redes de Pré-assadas vão sobreviver por muito tempo?

Mensagempor César Gomes » Terça-feira - 02 Fev 2016, 11:28

Tenho um interesse enorme em trabalhar com pizza pre-assada, e vejo um grande crescimento no momento, e depois?
César Gomes
-----------
-----------
 
Iniciador deste tópico
Mensagens: 1
Aqui desde: Terça-feira - 02 Fev 2016, 11:13

Re: As Redes de Pré-assadas vão sobreviver por muito tempo?

Mensagempor Mestre Mauricio » Terça-feira - 02 Fev 2016, 11:39

César,

eu acho que o crescimento atual é um desafio rumo ao choque ou à estabilidade. Será que vão continuar oferecendo serviços de qualidade? Será que vão surgir concorrentes relevantes?

Aqui em SP, as lojinhas de 'bolo simples' estão crescendo a bombando. Eu acho que são semelhantes: produtos únicos e simplificados...

Você se sente seguro nesse setor?

att

Curta minha Fan Page no Facebook e se inscreva no meu canal do YouTube
Mestre Mauricio Braga
Avatar do usuário
Mestre Mauricio
Administrador
Administrador
 
Mensagens: 4321
Aqui desde: Sábado - 26 Mar 2011, 00:32

Re: As Redes de Pré-assadas vão sobreviver por muito tempo?

Mensagempor Abnael » Terça-feira - 02 Fev 2016, 17:44

Olá, boa tarde!

Ao meu ver, as redes de pré-assadas vão continuar crescendo, mas sem dúvida a massa assada crua junto com o recheio deixa a pizza com um sabor diferenciado, ainda mais se o forno for a lenha! Mas tudo tem os prós e os contras, e uma das vantagens da pré-assada é a agilidade em fazer a pizza, pois é só montar e num mundo como o nosso, onde as pessoas estão querendo as coisas pra ontem, é uma grande vantagem.

Espero ter ajudado. Abraço.
Abnael
Dono de Pizzaria
Dono de Pizzaria
 
Mensagens: 1
Aqui desde: Sábado - 05 Jul 2014, 16:09

Re: As Redes de Pré-assadas vão sobreviver por muito tempo?

Mensagempor Oswaldo » Terça-feira - 02 Fev 2016, 18:10

Isso tudo é "moda" , assim como as paletas mexicanas. Há espaço para todos mas, temos que lembrar que encontramos pizza pré assada no supermercado
A Leve pizza , por exemplo , parece interessada apenas no comércio das embalagens, olha a razão social:
Titagu Comércio de Embalagens Ltda. – ME, inscrita no CNPJ: 19.396.708/0001-31, com sede na Rua Fernando Metitier Pierre, 350 – Galpão 02 – Jd Primavera – São José do Rio Preto/SP.
Fonte: https://www.redelevepizza.com.br/magiadepremios/
Me parece que cada franqueado tem o compromisso de comprar apenas as embalagens, os demais insumos podem ser adquiridos de qualquer fornecedor.
Não deve haver padronização do produto , diferente de uma Dominos ou Pizza Hut cujo franqueado só pode comprar de fornecedores homologados e passa por constantes auditorias.

Na minha cidade há 2 unidades, 1 está a venda
http://mg.olx.com.br/belo-horizonte-e-r ... =3&xtcr=10
Oswaldo
Colaborador Especial
Colaborador Especial
 
Mensagens: 161
Aqui desde: Quarta-feira - 30 Mar 2011, 21:28

Re: As Redes de Pré-assadas vão sobreviver por muito tempo?

Mensagempor Mestre Mauricio » Terça-feira - 02 Fev 2016, 18:19

Oswaldo,

o camarada do anúncio garante que está tendo lucro...

Já a questão de modelo de negócios, com um déficit educacional e cultural grande como temos, e os mil entraves, eu acho que os fundadores da leve pizza pensaram: vamos vender aquilo que é mais fácil distribuir sem se preocupar com muitos detalhes.

Mas a gente nunca sabe...

Conheci um pizzaiolo em Bauru que disse que a Leve Pizza vendia 'muito' mais que uma pizzaria comum, com a vantagem que o cliente retirava...

será?

att

Curta minha Fan Page no Facebook e se inscreva no meu canal do YouTube
Mestre Mauricio Braga
Avatar do usuário
Mestre Mauricio
Administrador
Administrador
 
Mensagens: 4321
Aqui desde: Sábado - 26 Mar 2011, 00:32
Regras do fórum
Recomendações para um novo tópicos aprovado:
a) uma dúvida a respeito da solução de um problema
b) uma solução para um problema que possa afetar outros membros
c) um relato pessoal de como chegou ao sucesso ou superou o fracasso
d) uma análise sobre um produto ou serviço
e) quaisquer assuntos relacionados a pizzas e pizzarias

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: AdsBot [Google] e 30 visitantes